20 Livros essenciais sobre Chi Kung

Este é um artigo revisto e acrescentado publicado em Dezembro de 2009.

Na altura continha os 10 livros que eu considero essenciais para introduzir a prática desta arte.

Aumentei a lista para 15 e hoje para 20.

São opiniões pessoais e que tendêncialmente reflectem o que pratico e ensino e não devem ser tomadas como verdades absolutas.

Este artigo considera que embora os livros sejam parte secundária de qualquer treino de Chi Kung – Ilustram, fixam conceitos e informam.

Têm a sua importância na materialização de algo muitas vezes pouco palpável como a nobre arte do cultivo do Chi.

Independentemente da área que lidam Chi Kung, Acupunctura, Massagem….

Os livros ajudam a organizar ideias – se bem que é essencial primeiro forma-las.

Ajudam a relembrar conceitos – desde que estejam claros e incorporados que conceitos são esses.

Sobre o estilo que ensino – O Zhan Zhuang Chi Kung, a “Pentalogia” do Mestre Lam Kam Chuen é a bibliografia mais importante para complementar este tipo de prática. Não só por ter ter estudado com o Mestre Lam mas também mas por ter consultado outros livros, reconheço que são livros muito bem escritos. É “simples” escrever livros sobre movimento ou formas de Chi Kung que assentam em coreografias, mas é extremamente difícil de escrever sobre a quietude com o caso do Zhan Zhuang Chi Kung.

Comecemos então:


O livro Way of Healing – foi o Primeiro livro do Mestre Lam contém exercícios simples fáceis de seguir assim como conceitos de como fortalecer a energia vital independentemente do estado energético que o praticante se encontra – exercícios para a manutenção da saúde ou fortalecimento assim como exercícios para quem está acamado ou debilitado.

A quem se destina: Para quem está a iniciar a sua prática de Chi Kung ou para alunos mais avançados que queiram aprofundar certos conceitos relacionados a prática.


O Way of Energy e o Everyday Chi Kung são os livros mais próximos daquilo que é ensinado nas aulas. Contêm todas as posturas principais da Árvore, posturas Yin, Yang e Shi Li, protocolos de treino, assim como prescrições de Chi Kung para situações de desequilíbrio mais comuns. O Everyday Chi Kung inclui uma secção sobre Chi Kung sentado postura essencial na recuperação de condições específicas.

A quem destina: Aconselhado a todos os níveis de treino do mais básico ao mais avançado mas devendo ser acompanhado por aulas de forma a complementar, compreender e integrar melhor a informação contida no livro.


Way of Power – é um livro para alunos mais avançados. Posturas e conceitos mais complexos são explicados de forma a desbloquear e fazer circular profundamente a Energia Vital do praticante.

A quem se destina: Embora os conceitos teóricos expostos no livro sejam importantes e esclarecedores a níveis que outros livros do Mestre Lam não tinham abordado anteriormente, este livro não deve ser praticado sem apoio complementar de um professor.


Master Lam’s Walking Chi Kung – Este livro aborda uma parte essencial do treino – os passos, o chamado “leg work” ou em chinês “Mo Ca Bu”. Inclui os passos principais do sistema técnicas respiratórias avançadas e formas de fortalecer as pernas e o equilíbrio.

A quem se destina: Quem está interessado em complementar o treino do Zhan Zhuang Chi Kung com informação mais detalhada sobre os passos.


The Qigong Workbook for Anxiety (Mestre Lam Kam Chuen) – Editado em 2014 este é talvez o guia mais completo para a regulação da ansiedade utilizando a postura da árvore. Muito completo a nível prático e teórico oferece passo a passo instruções e abordagem para reequilibrar o sistema nervoso.

A quem se destina: Para quem procura alternativas de regulação emocional utilizando o Chi Kung. Destina-se também a professores e terapeutas que queiram no chi kung encontrar respostas alternativas para os seus pacientes.


The Dynamics of Standing Still escrito por Peter Den Dekker é um livro muito bem escrito. O Peter utilizou toda a sua experiencia e conhecimento do corpo humano não só como professor de Chi Kung como professor de Shiatsu para escrever um livro que na minha opinião é revolucionário na forma de apresentar o Chi Kung. Com muitas imagens e histórias torna a prática algo como deve ser – simples e directa.

A quem se destina: Para praticantes de todos os níveis. Para quem nunca ouviu falar de Chi Kung assim como para praticantes avançados que queiram aprofundar e ter uma outra visão daquilo que já sabem. Apresenta uma abordagem concreta e muito visual do que é a prática do Zhan Zhuang Chi Kung. è um livro que poderá ser de extrema importância para praticantes de outras artes como a dança ou bodywork.


The Root of Chinese Qigong: Secrets for Health, Longevity and Enlightenment – Yang Jwing Ming e The Way of Qigong: The Art and Science of Chinese Energy Healing – Kenneth Cohen são livros que abordam desde a história ao diversos tipos de Chi Kung, as técnicas e as teorias por detrás da pratica. Ambos os autores o Mestre Yang Jwing Ming e o Mestre Kenneth Cohen são estudiosos que têm nos últimos anos dedicado as suas vidas a compilar e a sistematizar a informação relacionada com as artes energéticas e marciais, de forma a que seja possível uma digestão mais eficiente pelas mentes ocidentais sem que a tradição ou a essencia destas artes seja perdida no processo.

A quem se destina: Para qualquer praticante de Chi Kung – independentemente do estilo que pratica, que queira aumentar o seu conhecimento teórico sobre esta arte. Ambos os livros são também boas referências para quem nunca praticou e quer ter uma primeira abordagem teórica.



Warriors of Stillness: v.1: Meditative Traditions in the Chinese Martial Arts: Vol 1 enquanto o volume dois deste autor já está esgotado ou atinge preços ridículos em segunda mão nas livrarias on-line, o primeiro volume traça com bastante precisão a história de mestres mais significativos na arte da quietude. Com alguns exercícios e conceitos sobre a prática da postura da Árvore. Para mim é um livro importante pois na forma como é apresentado tornou o Zhan Zhuang Chi Kung conhecido revelando muitas das as “caras” e as experiências dos mestres que ainda hoje o praticam. O volume 2 apresenta de uma forma bastante detalhada a biografia do Wang Xiang Zhai assim com excertos da sua entrevista histórica a um Jornal de Pequim onde ele expõem as fundações da prática do Da Cheng Chuan. Contêm também uma secção com variados exercícios para aperfeiçoar a prática que poderão ter interesse para qualquer aluno de Zhan Zhang Chi Kung ou de Tai Chi Chuan.

Actualização:  Foi entretanto editado o volume 3 (Masters of perception) que pode ser comprado em separado ou adquirido sob forma de  trilogia com os restantes volumes.

A quem se destina: Como quem se interessa por futebol sente que é importante conhecer as figuras mais proeminentes deste desporto e os conceitos particulares de cada um dos jogadores. Para quem pratica Chi Kung é essencial também conhecer os praticantes, as suas histórias, as vivências e conceitos de treino. Contêm alguns exercícios e idéias interessantes que embora simples só encontrei até agora neste livro.


Zhan Zhuang: The Art of Nourishing Life : Este é uma tradução do original publicado em língua chinesa pelo Professor Yi Yong Nian com quem o mestre Lam Estudou. Apresenta uma visão ocidental – porque que o Prof. Yu foi médico de medicina ocidental – sobre a prática da postura da árvore.  Inclui a história da utilização do Zhan Zhuang Chi Kung em hospitais na China.  Conciso e claro é um guia que auxilia a fazer a ponte entre o ocidente e o oriente.

A quem se destina: Embora seja um guia que contém exercícios, não o recomendo para quem está a iniciar a prática do Zhan Zhuang. No entanto é um guia precioso quando utilizado como complementos com os livros do Mestre Lam Kam Chuen.


Inside Zhan Zhuang (Mark Cohen) – Como o nome indica este é um manual para quem deeja conhecer mais sobre esta prática. Muito completo apresenta abordagens variadas com aplicações terapêuticas que auxiliam a observar esta prática como uma arte com um potencial ainda por descobri no ocidente no terreno clínico da Medicina Tradicional Chinesa.

A quem se destina: Praticantes intermédios ou avançados que queiram consolidar os seus conhecimentos nesta prática.


Chinese Medical Qi Gong é um livro escrito por terapeutas para terapeutas. Aqui é apresentado de forma clara o contexto histórico, aplicação do Chi Kung no terreno clínico, passando pelo diagnóstico e protocolos para os mais variados desequilíbrios.

A quem se destina: Um livro de reflxão para todos os terapeutas de Medicina Tradicional Chinesa que utilizam o Chi Kung como terapeuta preferencia ou de apoio à sua prática clínica.


Traditional Chinese  Exercises: Standing Pole (Traditional Chinese Therapeutic Exercises and Techniques) (Paperback) – Aqui já se entra no campo das raridades e do refinar da prática. Este livro é uma pérola e poderá facilmente ser fonte de inspiração para o treino individual e para quem dá aulas. É uma edição de 1994 de um dos alunos mais dotados do Wang Xiang Zhai – Wang Xuanjie. Explica nas suas 89 páginas com algum detalhe os sete passos essenciais da prática do Da Cheng Chuan, as posturas terapêuticas sentadas e deitadas. No final contêm alguns estudos científicos sobre esta prática e explica à luz da ciência alguns dos efeitos deste tipo de Chi Kung.

A quem se destina: Coleccionadores e praticantes que queiram estabelecer termos de comparação entre os diversos mestres dentro do mesmo estilo.


Chinese Medical Qigong Therapy Volume 1 é o livro que faz a ponte entre a fisiologia ocidental e fisiologia energética oriental. Pessoalmente é um livro que consulto com frequência para prepara aulas ou para procurar pontos em comum entre o ocidente e o oriente.

A quem se destina: As suas mais de 500 páginas não contêm exercício mas “apenas” teoria. Indicado para qualquer professor ou terapeuta de chi kung ou de outras áreas que tenham como base a teoria da Medicina Tradicional Chinesa.


No livro Chinese Healing Exercises– The Tradition of Daoyin a escritora Taoísta Livia Kohn apresenta uma visão histórica doChi Kung antes conhecido como Dao Yin desde os seus primórdios até aos dias de hoje. É um livro que eu considero muito importante para quem quer compreender a história e as raízes dos exercícios terapêuticos chineses. Contem um levantamento detalhado e muito bem escrito sem ser demasiado extenso ou técnico.

A quem se destina: Professores de Chi Kung Terapeutico que queiram conhecer as raízes históricas do que ensinam. Permite ter uma percepção clara de que o Chi Kung é por si só uma arte terapêutica independente de qualquer associação marcial ou desportiva. Recomendo também a alunos que queiram interessados a saber mais para além das formas e das coreografias.


Qigong Fever: Body, Charisma and Utopia in China, 1949-99 (CERI) – Resulta de uma tese sobre o movimento Chi Kung Re – A febre do Chi Kung, que teve a sua gênese nos anos 50 na China. Quando se acredita que o Chi Kung como hoje o conhecemos é uma arte milenar aqui compreendemos que existem algumas práticas mais milenares que outras e que muito daquilo que se fala sobre Chi Kung foi criado nesta época, incluindo o próprio termo Chi Kung. Claro e informativo fala de alguns movimentos e práticas incluindo uma explicação bastante detalhada do surgimento e extinção do movimento Falun Gong na China.

A quem se destina: A todos os praticantes que queiram entender melhor aquilo que praticam à luz da história contemporânea da China e como essa história influenciou quilo que é o Chi Kung hoje. Para mim é um dos livros mais importantes destes últimos anos relativamente a esta prática. Claro, imparcial e informativo sem ser demasiado técnico, contém referências suficientes para que mesmo depois de lido seja possível investigar mais para quem quiser saber mais.


A Brief History of Qi. Sabiam que o ideograma Chi pode ser encontrada em centenas de ideogramas chineses? Neste livro Ken Rose dá-nos a conhecer as várias expressões do Chi na cultura Chinesa. Desde à arte, à medicina, ao Chi Kung Terapeutico, Artes marciais e dia a dia. Contêm ainda capítulos introdutórios onde é explicada as raízes deste caracter. É uma viagem pelo mundo da cultura chinesa à volta de uma ideia que serve de pilar para todas as expressões culturais deste país.

A quem se destina: A quem independentemente aluno ou professor queira aumentar a sua cultura intelectual sobre Chi. Não se recomenda a quem nunca fez Chi Kung. Recomendo também a quem pratica outras disciplinas relacionadas com terapias orientais sejam elas de origem chinesa ou japonesa.

Os últimos dois são livros que eu considero referências que podem ajudar o praticante a compreender melhor a sua prática à luz de outros conceitos.


Hara: The Vital Center of Man é um livro que considero basal e que fala do Hara ou para os Chineses o Dantien. Durckheim aparece aqui numa edição inglesa traduzida do francês. Neste livro é explicada de uma forma teórica e prática a importância do centro energético humano.

A quem se destina: A quem queira aprofundar melhor o estudo do centro vital e as suas implicações em todas as áreas da sua vida dentro e fora da sala de prática.


O último é o mais pequeno de todos os livros, The Long Road Turns to Joy: A Guide to Walking Meditation escrito pelo monge Tich Nhat Han é um dos livros que está quase sempre esgotado na Amazon. Neste livro é abordado algo muito simples – o acto de caminhar e de estar no momento enquanto se caminha. É um livro pequeno e que pode ser transportado para qualquer lado. Cada página contêm o desafio de caminhar e de encontrar a paz interior em cada passo.

A quem se destina: A quem gosta de caminhar e usufruir mais do que da viagem – do caminho em si.


Se tivessem que fazer o vosso top 5 dos livros de Chi Kung ou relacionados quais seriam? Gostava de saber.

Boas leituras.

Um coração saudável
O que recebem os meus alunos quando fazem Chi Kung?