Obrigado Francisco Varatojo

Existem professores que nos ensinam os princípios para sermos felizes.

Outros, a sermos felizes para encontramos os nossos próprios princípios.

Se a primeiro pode facilmente tornar-se dono da Cenoura que o aluno persegue – às vezes sem nunca a alcançar.

Outros, como o Francisco Varatojo, oferecem-nos diretamente a Cenoura e ensinam-nos o que fazer com ela.

Parabéns Francisco e um eterno obrigado por continuares a ser uma referência na arte de como cozinhar a vida e o nosso Sonho pessoal e coletivo.

Receba o nosso programa de regeneração pessoal

Entregue directamente na sua caixa de correio, durante os próximos 15 dias